Rede dos Conselhos de Medicina
Selecione o Conselho que deseja acessar:
Presidente do CRM-SE faz balanço do ano de 2019

Encerramos o ano de 2019 e o presidente do Conselho Regional de Medicina do Estado de Sergipe (CREMESE), Jilvan Pinto Monteiro, fez um balanço do ano que passou elencando alguns temas que foram relevantes para o CRM-SE e para a medicina no país.

Informatização dos serviços

Para o presidente, um passo importante foi o início a parceria entre o CREMESE e o Conselho Federal de Medicina (CFM) para a implantação do projeto de Serviços Online.

“O CRM-SE foi pioneiro neste projeto desenvolvido pelo Conselho Federal. Desde então, já são mais de vinte serviços disponíveis para Pessoa Física e Pessoa Jurídica no site do CREMESE. Levando comodidade e agilidade aos médicos”, afirmou.

Para o ano de 2020 o CREMESE quer se aproximar e levar mais informações aos médicos e para isso vai implantar, ainda no primeiro semestre, um serviço de SMS para dar mais agilidade na comunicação entre o Conselho e os profissionais inscritos.

Mudança para a sede

No final de 2019 o CREMESE voltou para sua sede localizada na rua Boquim. Para o presidente do CRM-SE, a mudança, que ocorreu ainda em meio à finalização da obra, foi positiva. “Com o Conselho funcionando em sua sede foi possível economizar com o fim do aluguel. Além disso, proporciona uma maior agilidade na conclusão da etapa final da obra, pois é possível fiscalizar de perto o andamento do serviço”.

Fiscalizações

Segundo Dr. Jilvan P. Monteiro, no ano de 2019 houve um aumento no número de fiscalizações, o que é muito importante para população e médicos, pois é uma forma de cobrar junto aos gestores ações que resultem nas melhores condições para execução do trabalho médico e consequentemente o melhor atendimento às pessoas.

“Essa atividade passa despercebida, pois os resultados são locais, como, por exemplo, a adequação do número de atendimento hora pelos médicos, correção de falta de material e equipamento e preenchimento adequado de escala. Para se ter uma ideia, constatamos UTI’s sem plantonistas diariamente. Por isso, a fiscalização, constitui-se numa atividade fundamental do Conselho, que não se restringe apenas a uma Instituição burocrática para avaliar procedimentos médicos. Para isso, torna-se fundamental o estabelecimento de um contato direto de quem esta na linha de frente diante dos inúmeros problemas, com o Órgão para que a devida providência seja tomada”.

No ano de 2019 foram abertas 556 demandas, sendo 484 delas administrativas internas e 72 vistorias em campo. Essas demandas atingiram 31 municípios diferentes. Com o trabalho de fiscalização do CRM-SE foram detectadas 69 unidades/prestadores de serviços médicos sem registro no CRM que foram devidamente notificados para regularização.

Ainda de acordo com o presidente, dentro das fiscalizações, ganhou destaque a Comissão de Divulgação de Assunto Médicos (CODAME), que tem papel educador junto aos médicos e diretores técnicos de unidades de saúde. “A Comissão colabora ativamente na prevenção de equívocos na divulgação de especialidades e serviços médicos, inclusive nas redes sociais”, destacou.

O trabalho foi iniciado com unidades do bairro Siqueira Campos, onde há maior concentração de clínicas populares na capital, sendo convocados para reunião diretores técnicos de 35 clínicas da região. Já no segundo semestre, o trabalho foi estendido para o município de Itabaiana já havendo sido convocados 24 diretores técnicos de unidades do município.

Curso de Educação Médica Continuada

Outra ação de destaque do CREMESE é a realização do Curso de Educação Médica Continuada, que em 2019 ofertou vagas em dez módulos.

“A Educação Médica é muito importante porque sempre traz assuntos atuais e relevantes para o médico. Além disso, percebemos a participação de estudantes de medicina, o que tem sido positivo para aproximá-los do Conselho”.

Para 2020, o Presidente adiantou que em breve será divulgado um calendário prévio com as datas dos módulos, que serão realizados no auditório da SOMESE até que as reformas da sede sejam concluídas.

Revalida

No cenário nacional a medicina foi destaque, mas dois assuntos causaram muita preocupação à classe médica. Avançamos com a aprovação do Programa do Governo Federal Médicos pelo Brasil, no entanto, o Congresso Nacional realizou modificações graves nesse Projeto, como a flexibilização da prova do Revalida.

“O Conselho Regional de Medicina do Estado de Sergipe também participou dessa luta e comemorou a decisão assertiva do Presidente Jair Bolsonaro que beneficiou o exercício ético da medicina. Permitir o ‘Revalida light’ era uma agressão aos médicos habilitados, cujos conhecimentos e habilidades são efetivamente verificados, e, principalmente, colocava em risco a saúde da população. Mas, mesmo com essa importante vitória a luta continua em 2020, pois apesar do veto do Presidente, o projeto de lei retornou ao Congresso para apreciação do veto. Por isso, vamos encaminhar uma carta aos políticos sergipanos que atuam na esfera Federal e pedimos aos médicos de Sergipe que somem forças em prol da medicina e da sociedade”’, pontuou.

 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

  
  
 Horário Atendimento-   Atendimento externo das 07:00 às 13:00
   CREMESE - Conselho Regional de Medicina de Sergipe Rua Boquim, 589, Centro, CEP: 49010-280 - Aracaju - Sergipe
Tel.: (79) 3212-0700 - Email: contato@cremese.org.br
©2010 - CREMESE- Todos os direitos reservados.